Coworking ou home office, qual escolher?

Coworking x home office

Com a pandemia, milhares de brasileiros se viram, de uma hora para outra, tendo de preparar um ambiente em suas casas para trabalhar. O que parecia temporário, no entanto, tem se mostrado uma mudança que não tem data para terminar.

Com isso, muitas pessoas começaram a se perguntar: o que é melhor? Coworking ou home office? A dúvida surge vários trabalhadores tem relatado dificuldades para ter o mesmo rendimento pré-pandemia.

Fatores como a dificuldade em separar a rotina de casa com o trabalho, barulho dos arredores ou mesmo a ausência de um ambiente mais profissional pesam na escolha.

Esse é o seu caso? Está em dúvida sobre qual modelo escolher? Então preste atenção nesse texto. Aqui vamos te mostrar como selecionar o estilo de trabalho que melhor se adapte ao que você necessita. Confira.

Coworking ou home office?

Antes de contarmos qual das duas opções é a melhor para você, é importante deixar claro que é necessário pesar todos os fatores. Afinal de contas, cada pessoa tem um ritmo diferente de trabalho.

Por isso, separamos alguns fatos que devem ser colocados na balança antes de decidir qual é a melhor opção para você.

Foco e concentração

Para algumas pessoas, trabalhar em um ambiente com sons como televisor ligado, conversas cotidianas e até mesmo o latido de um cachorro é uma verdadeira tortura.

Já outras, por outro lado, até se sentem bem fazendo home office em casa. Para elas, só se trancar em um quarto já resolve.

Mas então, como saber se o home office ou o coworking é a melhor opção? Primeiramente, entendendo qual o seu perfil como trabalhador. Você precisa de um ambiente tranquilo e com “cara de escritório”? Sua casa é cheia de gente o tempo todo ou pior, seu bairro não é, digamos, dos mais silenciosos?

Então, optar pelo coworking é uma boa alternativa para você. Além de dar aquele ar profissional que você pode estar sentindo falta por causa do trabalho remoto, o ambiente disponibiliza espaços como escritórios privados, que permitem o trabalho sem interrupções.

E, embora não sejam recomendadas, algumas vezes as reuniões presenciais são necessárias. Estando em um coworking, você consegue se reunir com clientes ou outros membros da equipe sem qualquer problema.

Estrutura física

Outro ponto que você precisa considerar na hora de decidir entre o home office e o coworking é a estrutura física dos dois ambientes.

Mesmo gostando muito de sua casa, você tem consciência de que o ambiente não oferece a estrutura necessária para uma rotina tranquila de trabalho, não é mesmo?

Isso porque em um coworking o design das salas é pensado para reproduzir o ambiente corporativo, com a oferta de cadeiras e mesas ergonômicas (adeus dores nas costas), iluminação adequada (sem dores nos olhos) e, ainda controle de temperatura (se despeça do ventilador espalhando papeis importantes pela casa).

E, se você trabalha tanto que mal tem tempo de preparar um café, no coworking isso tudo está disponível, garantindo um certo conforto para você durante o expediente.

Tem sofrido com acesso à internet em sua casa? No coworking esse problema não existe, já que a maioria dos espaços oferecem internet de alta velocidade. E, caso tenha algum problema com seus equipamentos ou mesmo com o sinal, os técnicos estão à disposição para resolver qualquer um deles.

Disciplina e organização

Para quem está fazendo home office, manter a disciplina e a organização no dia a dia tem sido um desafio a mais, já que em casa tudo é uma espécie de distração – o sofá convida para aquele minutinho a mais, a cozinha chama para um café mais demorado e a TV é um convite para aquele filminho que você não viu.

Então, se você sente dificuldade em se concentrar com tantos estímulos como os de sua casa, o coworking é uma boa saída. O ambiente profissional, que se assemelha muito a um escritório tradicional facilita a concentração e pode até mesmo melhorar seu rendimento.

Deslocamento e localização

Na comparação entre home office e coworking, um fator costuma pesar bastante: o deslocamento. Quando se trabalha em casa, o trânsito deixa de ser um fator que importa.

Afinal de contas, basta dar alguns passos para chegar ao escritório, o que pode parecer bastante prático. Agora, se você mora em um lugar com mais pessoas, por exemplo, o trabalho em casa pode ser mais complicado.

Mas, se você mora em um local com pouca infraestrutura ou mesmo com muitas pessoas, o coworking pode ser um caminho, especialmente se você optar por um que fique relativamente próximo à sua residência. Desta forma, seu dia de trabalho será ainda mais produtivo.